A Justiça gaúcha decidiu que um consumidor não pode ter o nome “sujo” no SPC sem aviso prévio

Notícias e Comentários do Locutor de Rádio

A inclusão de um devedor no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) sem prévio aviso é motivo suficiente para cancelar o registro, conforme previsto no artigo 43 do Código de Defesa do Consumidor (CDC). 

Veja Mais:  Cientistas comprovam coinfecção de covid por variantes diferentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.