Trabalhador que recusar vacina pode ser demitido por justa causa, adverte o Ministério Público do Trabalho

Notícias e Comentários do Locutor de Rádio

Trabalhadores que se recusarem a tomar a vacina contra a Covid-19 sem apresentar razões médicas documentadas poderão ser demitidos por justa causa, de acordo com o MPT (Ministério Público do Trabalho).

Veja Mais:  Municípios relatam ter recebido frascos de vacinas contra Covid-19 com menos doses que o previsto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.